sexta-feira, 8 de outubro de 2010

É

Era um tal de dizer "como se", como se fosse pra se defender ou amenizar.
Ri, como se estivesse nervosa. Grita, como se estivesse longe. Desculpa-se, como se estivesse errada. Sempre "como se", nunca estando.

- Isso me dói como se arrancasse um pedaço do peito!

"Como se", que nada! Arranca mesmo, e não podia ser diferente.

5 comentários:

  1. Você me conhece (rs)? Você me descreveu! Eu não conseguiria tão bem. Ou será que somos todos assim? Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. É como se a gente tivesse almoçado juntas.
    E como se você soubesse...

    beijo.

    ResponderExcluir
  3. Começo a pensar que somos (e não "como se" fôssemos) sim, todos muito parecidos. beijos, meninas!

    ResponderExcluir